quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

...pra ser feliz!

COMO ALCANÇAR A FELICIDADE

Para começarmos, podemos dividir todo tipo de felicidade e sofrimento em duas categorias principais: mental e física. Das duas, é a mente que exerce a maior influência em muitos de nós. A menos que estejamos gravemente doentes, ou privados de nossas necessidades básicas, a condição física representa um papel secundário na vida. Se o corpo está satisfeito, praticamente o ignoramos. A mente, entretanto, registra cada evento, por mais pequeno que seja. Por isso, deveríamos devotar nossos mais sérios esforços à produção da paz mental. A partir de minha própria limitada experiência, descobri que o mais alto grau de tranqüilidade interior vem do desenvolvimento do amor e da compaixão. Quanto mais nos ocuparmos com a felicidade alheia, maior se tornará nossa sensação de bem-estar. O cultivo de sentimentos amorosos, calorosos e próximos para com os outros automaticamente descansa a mente. Isto ajuda a remover quaisquer temores ou inseguranças que possamos ter e, nos dá força para enfrentarmos quaisquer obstáculos que encontramos. É a principal fonte de sucesso na vida. Enquanto vivemos neste mundo estamos destinados a encontrar problemas. Se, nessas ocasiões, perdemos a esperança e nos desencorajamos, diminuímos nossa habilidade de encarar as dificuldades. Se, por outro lado, nos lembramos que não se trata apenas de nós, mas, que todos têm de passar por sofrimento, esta perspectiva mais realista aumentará nossa capacidade e determinação para sobrepujarmos os problemas. Na verdade, com essa atitude, cada novo obstáculo pode ser encarado como sendo mais uma valiosa oportunidade de aprimorar nossa mente! Desse modo, podemos gradualmente nos esforçar para nos tornarmos mais compassivos, ou seja, podemos desenvolver tanto a genuína empatia pelo sofrimento dos outros, quanto a vontade de ajudar a remover sua dor. Como resultado, crescerão nossas próprias serenidade e força interior.
Dalai Lama

Queridos amigos!
Achei esse texto maravilhoso, e acredito que diz muito do que todos nós pensamos em todo início de ano, então, por que não colocar a FELICIDADE como meta para 2012, não é?!?!?!
Beijos a todos, estou ind no Correio colocar a última encomenda de 2011 (isso mesmo, de 2011!), logo volto para postar as fofurinhas que estou enviando para uma mamãe ansiosa, rsrsrs, né Anna?!!?).
Dayse

Um comentário:

Cristiane Carvalho disse...

Oiii minha linda, o ano começou bem, cheio de novidades, muitas amigas contando maravilhas, e eu começando minhas visitinhas deste lindo ano, que promete né?
Quero este ano fazer mais visitinhas que o ano que passou, estar mais presente no seu cantinho, e sempre te convidando pra passar lá no bloguito, tem muitas coisinhas e vai ter muito mais, bjks doces uma linda semana, e fica com Jesus...Cris.